Mudei-me para Holanda!

Para começar, quero contar-vos como vim cá para Holanda, para quem não sabe eu sou Moçambicana portanto, nascida e criada em Moçambique, aos meus 20 e poucos anos mudei-me para Portugal onde lá morei uns bons anos. Fiz cursos, trabalhei, viajei, aventurei-me muito e fiz muitas amizades, coisas que meninas nesta idade fazem. Bem, que eu sou uma aventureira acho que já nem eu duvido haha, digo isto porque sei que tem muitos jovens no meu País (Moçambique) que gostavam de vir cá para a Europa morar, estudar, trabalhar, etc, mas algo impede-os, seja a disponibilidade financeira (acredito eu que seja este o maior entrave) ou talvez o medo de mudar e de experimentar coisas novas. Mas continuando aqui, a verdade é que eu e o meu companheiro decidimos nos mudar para cá em Março do ano passado, ele já devia estar com saudades de casa e eu, como sempre querendo experimentar coisas novas confesso que na altura nem sequer pensei se um dia sentiria saudades de Portugal (sinto sim saudades de Portugal) e sendo ele holandês já era um caminho andado para eu cá ficar e me sentir em casa. Na altura, decidimos juntos que seria uma fase experimental, visto que para mim à princípio seria complicado por factores de integração social, bem como a língua, o estilo de vida e “outras cositas más”, afinal nem todo mundo consegue se adaptar com tanta facilidade e eu não sou diferente, por isso que preferi “tentar” primeiro.

“Na vida, nada é fácil, nada vem de graça, nada é como imaginamos, mas se não lutarmos pelo realmente queremos, o que não é fácil se torna impossível”.

Jean Pierre Ginhoux

Após 1ano a morar cá, não tenho razão de queixas, dia após dia progressos vão surgindo, adoro este país e já me sinto em casa, mas como todo bom estrangeiro, obviamente que tenho que aprender a língua para depois mais para frente ser submetida ao inburgering  que é nada mais que o exame de integração civil (posso falar um pouco mais sobre isto nos próximos posts se for de interesse).

O processo de adaptação e integração graças a Deus está a correr bem. Neste momento estou a estudar holandês porque por agora este é o principal foco e com o apoio do meu companheiro aí tudo fica mais leve.

Espero que depois deste breve resumo da minha vida alguém se identifique com a minha história!! Se sim deixem nos comentários a vossa história.

😊

Uma beijoka grande ♡

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s